Centro Especializado em Reabilitação de Augusto Corrêa (CERAC)

0

A Prefeitura Municipal de Augusto Corrêa, através da Secretaria de Saúde (SEMSA) atualmente conta com o Centro Especializado em Reabilitação de Augusto Corrêa (CERAC), que é um ponto de atenção ambulatorial especializada regulado e que conta com serviços de avaliação, orientação, diagnóstico, estimulação precoce, concessão, adaptação e manutenção de tecnologia assistida, constituindo-se a referência municipal para a rede de atenção à saúde no município.

Desde sua inauguração que ocorreu em 2017, o Centro de Reabilitação realiza os exames do Teste da Orelhinha, Teste da Linguinha e Avaliação Auditiva Comportamental. Para somar a estes serviços, em 2018, através do empenho do Prefeito Filho Barreto, do esforço do Secretário de Saúde Jessé Silva, da Enf. Rubia Darlen, responsável pelo planejamento desta Secretaria e apoio do ex-deputado Wladimir Costa, que destinou uma emenda parlamentar (Nº 11410001) no valor global de R$ 129.720,00, através da solicitação da Vereadora Gláucia Sério. O município de Augusto Corrêa conta hoje com os serviços de Audiometria Tonal, Audiometria Vocal e Imitanciometria através da compra da Cabine Audiométrica, do Audiômetro e do Imitanciômetro. Sendo que antes, os pacientes se deslocavam até a capital do Estado para realizar os exames no Hospital Bettina Ferro.

“Sempre estamos em busca de melhorias para o município e nosso objetivo é investir cada vez mais na qualidade de vida da nossa população”. Informou o Prefeito Filho Barreto.

O serviço avança a cada mês e somente no 2º quadrimestre 2019, o CERAC realizou 2.660 atendimentos fisioterapêuticos e fonoaudiológicos constituídos por avaliações, atendimentos individuais e coletivos.

O paciente Hilton Brito do Rosário de 38 anos, vítima de um acidente de trânsito, que faz acompanhamento no Centro de Reabilitação, relata: “Quando sofri o acidente, muitos acharam que eu não ia sobreviver, mais agradeço todo o apoio da Prefeitura, através do Prefeito Filho Barreto e da Secretaria de Saúde que foram essenciais para minha recuperação. Graças a Deus e aos profissionais de fisioterapia do CERAC, hoje estou de pé e caminhando, meu muito obrigado a todos”.

A principal demanda da fisioterapia está relacionada as alterações e danos à coluna com 123 pacientes, porém há um aumento significativo no número de pacientes neurológicos que somam 63 pacientes. Os transtornos mais comuns atendidos na área da fonoaudiologia é o Autismo, Síndrome de Down, Síndrome de Asperger, Gagueira, Deficiência auditiva, ADNM, Voz, Neurológico, Dislexia e TEDFL. Nessa área a principal demanda está relacionada ao Transtorno Específico do Desenvolvimento da Fala e Linguagem (TEDFL) com 36 pacientes.  O gênero predominante é o masculino que somam 61% dos atendimentos, a faixa etária predominante encontra-se entre 51 a 60 anos, com 47 pacientes atendidos.

Texto: Silvio de Oliveira
Foto: Silvio de Oliveira

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.


Acessibilidade
Acessibilidade