Barreira sanitária ajuda no combate à pandemia do coronavírus

0

Estrategicamente instalada na PA-454, a barreira de fiscalização sanitária é um importante instrumento de controle epidemiológico de propagação do novo coronavírus. A Prefeitura Municipal de Augusto Corrêa montou uma equipe com 23 profissionais da área da saúde e segurança, que fazem diariamente o serviço de orientação, prevenção e conscientização das pessoas que entram na cidade.

“Temos certeza que podemos vencer essa batalha contra a Covid-19. A gestão municipal está firme e forte nessa luta, mas a população deve nos ajudar ficando em casa, contamos com essa compreensão”, destacou o coordenador da barreira sanitária, Gilberto Neto.

Cerca de 350 veículos passam diariamente na barreira, que está funcionando há dois meses. Com o Decreto de Fechamento Total, a fiscalização ficou mais rígida e o trânsito mais restrito. Até o término de vigência do decreto, podem entrar e sair da cidade, apenas cidadãos que prestam serviços essenciais (devidamente comprovados), além do transporte de mercadorias e medicamentos que chegam ao município.

A coordenação da barreira relata que, infelizmente, ainda é comum encontrar resistência de alguns munícipes que não respeitam as medidas de proteção sanitária, fundamentais para preservar à saúde e a vida da população. Mesmo diante de atitudes como essa, os servidores municipais têm se mantido engajados na luta contra o coronavírus.

“Aqui temos profissionais que estão fazendo um grande trabalho em prol da população, médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, vigilância sanitária e epidemiológica, além do trabalho dos agentes distritais e de trânsito e a Polícia Militar”, destacou Gilberto Neto.

O secretário de Saúde, Jessé Silva, destaca a relevância da barreira sanitária para a manutenção do controle de contaminação no município. “Os números de infectados pela Covide-19 no município poderiam estar altíssimos. A barreira foi fundamental para esse controle epidemiológico”, afirmou.

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade